Pular para o conteúdo principal
Search

Anglo American renova investimentos sociais para cerca de 900 jovens em Goiás

23 fev 2017

Sete projetos nos municípios de Barro Alto e Niquelândia serão mantidos pela empresa, com investimento total de R$ 1 milhão para 2017

Projeto Camerata de Violões

Trabalhar com as comunidades para contribuir com o crescimento sustentável local é um objetivo constante da Anglo American. Por isso, a empresa aprovou para 2017 a continuidade de investimentos em sete iniciativas de desenvolvimento social que irão beneficiar cerca de 900 crianças e adolescentes e gerar 60 postos de trabalho. Ao todo, o valor investido em projetos realizados em Barro Alto e Niquelândia (GO) somará cerca de R$ 1 milhão.

 

Em Barro Alto, os projetos que permanecem com investimento da Anglo American são: Banda de Percussão Batuqueira, Bola na Rede Golaço Social, Camerata de Violões e Águia – Basquetebol de Cadeirantes. Já em Niquelândia, as iniciativas com aporte da empresa são: Sinfonia do Cerrado, Atletas do Futuro e Roda Solidária – Basquetebol de Cadeirantes.

 

“Nosso objetivo é propiciar a inclusão e a valorização das pessoas e, sobretudo, o respeito aos direitos humanos, oferecendo aos jovens oportunidades de crescimento em um ambiente sadio, motivando o contato com a cultura, esporte e lazer”, comenta Liomar Vidal, coordenador de Gestão Social da Anglo American. Segundo ele, as parcerias constantes com entidades do terceiro setor são fundamentais para o sucesso desses objetivos.

 

“Desde 2007 temos parceria com a Anglo American e o barroaltense reconhece a importância da empresa para o município. Cerca de 300 crianças passam por nossos projetos anualmente e medimos a performance delas por meio de avaliações e acompanhamento psicológico e familiar. Percebemos que as melhorias têm sido muito significativas”, conta Cleidiane Aragão Campos Rodrigues, presidente da Associação dos Parceiros da Arte Cultural de Barro Alto (Apac), entidade com a qual a Anglo American possui parceria para os projetos sociais Banda de Percussão Batuqueira e Bola na Rede, Golaço Social.

 

Conheça os projetos apoiados:

 

Banda de Percussão Batuqueira: criado em 2007, o projeto Banda de Percussão Batuqueira é conduzido pela Apac e beneficiará mais de 140 jovens em situação de vulnerabilidade social de Barro Alto e Souzalândia em 2017. Eles terão a oportunidade de participar de aulas de viola, teclado, flauta doce, além de vários tipos de dança.

 

Bola na Rede, Golaço Social: também executado pela Apac, o Bola na Rede, Golaço Social busca, por meio do esporte, estimular o desenvolvimento saudável e educacional de crianças e adolescentes em condição de vulnerabilidade social. O projeto existe desde 2009 e mais de 120 alunos serão contemplados em 2017.

 

Camerata de Violões: o projeto Camerata de Violões é desenvolvido desde 2005 pela Associação dos Amigos da Cultura, com apoio da Anglo American. Tem como objetivo promover a cidadania e oferecer atendimento psicossocial para as crianças e adolescentes de Barro Alto. As aulas para formação musical misturam arranjos de percussão e violão. Em 2017, o projeto beneficiará mais de 130 participantes.

 

Sinfonia do Cerrado: o projeto Sinfonia do Cerrado já existe há mais de dez anos em Niquelândia e foi criado com a finalidade de ensinar música clássica erudita por meio de instrumentos como o violão e o cavaquinho. A iniciativa beneficia crianças e adolescentes de baixa renda e de escolas públicas municipais e estaduais. Mais de 150 alunos participarão das aulas em 2017.

 

Atletas do Futuro: o projeto Atletas do Futuro é realizado em parceria com o Sesi/Senai da cidade de Niquelândia e visa o incentivo à prática de futsal, futebol e natação entre crianças e adolescentes. Mais de 300 alunos serão contemplados em 2017.

 

Projetos Águia e Roda Solidária:  visando à inserção social da pessoa com deficiência por meio da prática do basquetebol em cadeiras de rodas, oferecerão apoio a mais de 30 jogadores que participarão dos treinos e jogos em Barro Alto e Niquelândia e no Estado de Goiás em 2017.

loading...
Real Mining. Real People. Real Difference.